O vaivém do atacado e varejo

Os primeiros colocados no ranking de automóveis mais vendidos no Brasil estão sempre em destaque, com Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e Ford Ka no topo da lista. A história muda de figura se forem separadas as vendas diretas das realizadas no varejo.

 

O Onix é o único que mantém a posição nos três rankings – total, diretas e varejo -, com vendas no acumulado do primeiro quadrimestre do ano de, respectivamente, 75,1 mil, 43 mil e 32,1 mil unidades. Ou seja, 43% das suas transações acontecem no atacado.

 

O HB20 é 2º colocado no ranking geral e também no de varejo, com 34,7 mil e 27,2 mil emplacamentos nos primeiros quatro meses do ano, conforme dados divulgados pela Fenabrave esta semana. No caso das vendas diretas, no entanto, o modelo cai para a 13ª colocação, com apenas 7,6 mil unidades comercializadas no período, o equivalente a 22% das transações totais do modelo.

 

No atacado, o segundo colocado é o Volkswagen Gol, com 15.895 unidades licenciadas, o que representa mais do que o dobro do que emplacou no varejo e 71,5% das vendas totais do modelo. O modelo aparece em 16º lugar no ranking do varejo, com apenas 7.435 unidades, e é o 6º no cômputo geral dos automóveis mais vendidos no País.

 

Dois outros automóveis – Jeep Renegade e Nissan Kicks – sofrem esse mesmo fenômeno de ter nas vendas diretas o seu principal volume.

 

No ranking do atacado, o Renegade aparece em 3º lugar no quadrimestre, com 15 mil unidades comercializadas, 68,5% do total que comercializou no período.

No varejo, com somente 6,3 mil unidades, é o 22º colocado e no cômputo geral, graças às vendas diretas, ocupa a 8ª posição, com 21,8 mil licenciamentos.

 

Já no caso do Nissan Kicks, as vendas diretas respondem por 56% do total comercializado na linha – 9,3 mil de 16,6 mil emplacamentos. O SUV da marca japonesa negociou somente 7,3 mil unidades no varejo, ranking no qual ocupa o 19º lugar. O modelo é 8º colocado no atacado e 11º no ranking geral.

 

Além de Onix, Gol e Renegade, completam o ranking dos cinco modelos mais vendidos por meio de vendas diretas o Ford Ka, com 13,3 mil unidades negociadas no quadrimestre, e o Chevrolet Prisma, com 13 mil licenciamentos. No ranking geral, eles ocupam a 3ª e 4ª colocações, com respectivamente 32,8 mil e 27,2 mil unidades comercializadas no acumulado de janeiro a abril deste ano.

 

Vale destacar que as vendas diretas vêm num crescendo nos últimos anos, caminhando para responder por metade do mercado brasileiro de automóveis e comerciais leves. Em abril, por exemplo, elas atingiram participação de 46,8%, um dos maiores índices da história do setor. No anumulado do ano esse índice, segundo balanço da Fenabrave, está em 43,8%.

 

 

Please reload

Notícias Recentes

Please reload

Notícias por mês

Please reload

Tags

Please reload

 

Rua Geraldo Flausino Gomes, 42 - 5º andar | Brooklin Novo | São Paulo - SP 04575-060

Tel. (11) 5102-5656 | abrahy@abrahy.com.br

©2018 ABRAHY. criado pela TR2 Art + Design