Tensão entre China e EUA derruba preço do petróleo

Os preços do petróleo caíram, nesta terça-feira (7), em meio à pressão das ameaças comerciais do presidente americano, Donald Trump, à China.

Às 11h (horário de Brasília), o barril de Brent do mar do Norte para entrega em julho era cotado a 69,85 dólares em Londres, 1,39 dólar a menos do que no fechamento de segunda-feira.

Em Nova York, o barril de WTI para entrega em junho perdia 1,31 dólar, negociado a 60,94 dólares.

Apesar de uma leve recuperação dos preços ontem, o mercado de petróleo continua debilitado pelas tensões comerciais, após Trump anunciar, no domingo, um aumento das tarifas equivalente a 200 bilhões de dólares para produtos chineses exportados para os Estados Unidos.