top of page

Carros em fim de vida serão recuperados à população de baixa renda

Na França, parlamento aprova reutilização de veículos destinados à sucata ou à destruição


Fonte: Automotive Business


O parlamento francês resolveu dar uma sobrevida aos carros destinados à destruição ou a ferros-velhos. O legislativo do país aprovou projeto de lei que prevê que tais veículos possam ser recuperados e oferecidos a pessoas “socialmente desfavorecidas”, conforme o documento


O texto aprovado por unanimidade pelos parlamentares permite a recuperação apenas de automóveis pouco poluentes e que estejam destinados à destruição. Com o apoio de organizações ambientais, a ideia é oferecer os modelos à população de menor poder aquisitivo a preços acessíveis.


“Todos os anos são mandados para o ferro-velho milhares de veículos, por vezes pouco poluentes, às vezes sem muita quilometragem e utilizáveis”, argumentou a relatora do texto, a ecologista Marie Pochon.

Garagens solidárias fazem sucesso com carros em fim de vida


Ainda segundo a parlamentar, esses carros destinados à sucata constituíram a maior parte as doações às chamadas garagens solidárias, estabelecimentos que alugam e vendem veículos usados, em especial a clientes de baixo poder aquisitivo e que atuam em zonas rurais da França - onde a mobilidade costuma ser ruim.


O projeto de lei possibilita a estas “lojas” uma nova frente de negócios, já que elas poderão recuperar os veículos e os venderem ou alugarem. Nos últimos anos, esse mercado teve um aumento na procura que as garagens solidárias não conseguiram acompanhar, justamente devido à falta de carros usados.

Comments


montadora
bottom of page