top of page

Cidade inteligente da Hyundai tem mobilidade subterrânea autônoma



Em forma de colmeia, smart city do futuro reúne viagem de eVTOL e energia elétrica gerada por hidrogênio


A Hyundai apresentou na segunda-feira, 1, o seu principal modelo de cidade inteligente. O “HMG Smart City” servirá como diretriz para o desenvolvimento de soluções de mobilidade e tecnologia do grupo sul-coreano. A apresentação foi feita durante a Cúpula Mundial das Cidades 2022, em Singapura.

Para a empresa automotiva, a filosofia de cidade inteligente é “centrada no ser humano, coexiste com a natureza e abraça o futuro”. Por isso, o conceito da HMG Smart City é o de uma cidade hexagonal, inspirada nas colmeias, na qual a superfície é centrada no ser humano e o subterrâneo é voltado para a funcionalidade urbana.


Cidade inteligente da Hyundai pensa mobilidade do futuro


No subsolo ficará a infraestrutura viária que conecta toda a cidade de forma autônoma. A ideia é que todos os bens e serviços sejam levados pelo subterrâneo por meio de veículos autônomos até o centro logístico de cada região, onde robôs farão a entrega final.

Para os cidadãos, as viagens entre cidades serão feitas por veículos de mobilidade aérea avançada, como os eVTOLs que a Hyundai já está produzindo, que vão pousar e decolar de torres residenciais e escritórios. Também chamados de “drones de passageiros”, os eVTOLs são veículos elétricos de decolagem e pouso vertical e em breve chegarão ao Brasil.


Cidade mais verde


Na cidade inteligente da Hyundai, a superfície será focada nos seres humanos. Os edifícios são divididos em três seções por densidade populacional – alta, média e baixa – e organizados de acordo com seus propósitos. Por exemplo, enquanto os pontos de referência da cidade estarão na área de alta densidade, a infraestrutura de segurança está localizada na área de densidade média, permitindo acesso fácil a qualquer seção.

Os edifícios vão rodear parques e florestas que estarão no centro da cidade. Próximo a esses locais, a densidade populacional será menor para proporcionar vista para a área verde de qualquer parte da smart city.

Para garantir a neutralidade de carbono, a principal fonte de energia da cidade inteligente da Hyundai será o hidrogênio que alimentará os edifícios por meio de geradores de células de combustível.

Desde 2020 quando anunciou sua visão para cidades do futuro, a Hyundai acelerou o desenvolvimento de tecnologias para mobilidade inteligente. A Motional, joint venture da Hyundai, está desenvolvendo robotáxis com venda prevista para 2023. E a Supernal, subsidiária de mobilidade aérea da marca,revelou recentemente o design da cabine do seu eVTOL, que será comercializado a partir de 2028.

Comments


montadora
bottom of page