Detran-SP implementa dupla autenticidade biométrica em provas teóricas


[Fonte: Motor Show]

Biometria digital e facial serão exigidas na identificação do candidato na aplicação de provas teóricas ou de reciclagem


O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) atualizou o sistema no processo de aplicação das provas teóricas e de reciclagem nos Centros de Formação de Condutores (CFCs), na identificação do candidato ou condutor.


A novidade vale a partir da próxima segunda-feira (14/02), e os alunos que realizarem as provas nos estabelecimentos deverão obrigatoriamente validar as duas biometrias: tanto a digital quanto a facial.


Essa atualização foi implementada no sistema e-CNHsp, ferramenta utilizada por todos os parceiros responsáveis do Detran-SP no processo de habilitação de condutores – como médicos, psicólogos, diretores e instrutores de autoescolas. O cidadão deverá validar duplamente a biometria no momento da abertura e da conclusão do exame teórico ou de reciclagem.

Como era e como ficou? Até o momento, era solicitada somente a biometria digital e, caso não houvesse o reconhecimento, a biometria do rosto era realizada.

O Detran-SP reforçou a importância que os cidadãos sejam avisados antecipadamente da necessidade de autenticação por biometria digital, principalmente para casos de exame de reciclagem do condutor suspenso ou baixa preventiva de pontuação.

Nos demais processos de habilitação, os candidatos que têm exceção digital podem solicitá-la antes desta etapa para a realização de exames médico e psicotécnico.

Caso seja preciso pedir a exceção digital, o candidato ou condutor deverá comparecer nas unidades do Detran-SP integradas ao Poupatempo ou Ciretrans (nos casos de municípios que não possuem Poupatempo), ter a exceção digital aprovada para então realizar o agendamento do seu exame.