Fenabrave registra queda de 40% nos emplacamentos de carros zero em janeiro


[Fonte: Vrum]

A Fiat foi a marca que teve a maior participação de mercado no mês e a picape Strada como o veículo mais emplacado, com 6.716 unidades


Janeiro não foi um bom mês para a indústria automotiva brasileira. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), considerando os emplacamentos de automóveis e comerciais leves registrados no primeiro mês do ano, houve uma queda de 39,75% em comparação a dezembro de 2021. A Fiat manteve a liderança na soma dos dois segmentos e ainda tem a Strada como o modelo mais emplacado no mercado brasileiro.


O relatório da Fenabrave revela que em janeiro foram emplacadas 116.601 unidades de automóveis e comerciais leves, contra 193.541 em dezembro de 2021. Comparando com janeiro do ano passado, quando foram emplacadas 162.531 unidades, a queda foi de 28,26%. No ranking das montadoras em participação de mercado (automóveis e comerciais leves), no primeiro mês de 2022, a Fiat aparece em primeiro lugar com 19,9%, seguida da General Motors (11,24%), Volkswagen (11,22%) e Hyundai (10,79%).


OS 10 MAIS Já entre os modelos mais emplacados em janeiro, algumas mudanças foram registradas na parte de cima do ranking, exceto na primeira posição geral, onde a picape Fiat Strada mantém a liderança absoluta, com 6.716 unidades vendidas em janeiro. No acumulado do ano passado, a Strada emplacou 109.107 unidades, conquistando o título de veículo mais vendido no Brasil.


O ranking dos 10 mais emplacados em janeiro segue com o Hyundai HB20, com 5.634 unidades, Chevrolet Onix (5.205), Jeep Renegade (4.999), Jeep Compass (4.905), Hyundai Creta (4.175), VW T-Cross (3.761), VW Gol (3.435), Chevrolet Onix Plus (3.431) e Fiat Toro (3.293). O recém-lançado Fiat Pulse já aparece como o 11º modelo mais emplacado no mercado brasileiro, com 3.191 unidades em janeiro.


O jurássico VW Gol foi o hatch de entrada mais emplacado em janeiro(foto: Volkswagen/Divulgação)


DE ENTRADA O curioso é constatar que o jurássico Volkswagen Gol, modelo ultrapassado que tem seu fim programado para 2023, foi o oitavo mais emplacado em janeiro. Vendeu muito mais do que o moderno VW Polo, que aparece na 50ª posição do ranking dos automóveis mais emplacados, com apenas 253 unidades em janeiro. Aliás, o Gol garantiu o primeiro lugar entre os modelos de entrada, sendo seguido pelo Renault Kwid (3.180 unidades), Fiat Mobi (2.528) e o “falecido” Fiat Uno, que teve 622 unidades emplacadas no primeiro mês de 2022.


Entre os hatches compactos, o Hyundai HB20 foi o modelo mais emplacado em janeiro, com 5.634 unidades(foto: Hyundai/Divulgação)


HATCHES PREMIUM No cobiçado segmento de hatches premium, o Hyundai HB20 manteve a liderança conquistada no acumulado de 2021 e fechou janeiro com 5.634 unidades emplacadas. No segundo lugar, o Chevrolet Onix confirmou a tendência de crescimento registrada nos últimos meses do ano passado e encerrou janeiro com 5.205 unidades emplacadas, superando o Fiat Argo, que aparece em terceiro com 2.676 unidades. A lista segue com Peugeot 208 (1.989), Toyota Yaris (955), Renault Sandero (607) e o VW Polo (253).


O Chevrolet Onix Plus foi o sedã compacto mais emplacado em janeiro(foto: Jorge Lopes/EM/D.A Press)


SEDÃS COMPACTOS Neste segmento, o Chevrolet Onix Plus liderou em janeiro, com 3.431 unidades emplacadas, sendo seguido por Hyundai HB20S (2.391), Fiat Cronos (1.732), Honda City (1.011), Nissan Versa (794), VW Virtus (612) e Toyota Yaris Sedan (593). Entre os sedãs compactos de entrada, os mais emplacados foram o Fiat Siena (666), Renault Logan (607) e o VW Voyage (479).


Entre os sedãs médios não tem pra ninguém: o líder continua sendo o Toyota Corolla(foto: Toyota/Corolla)

SEDÃS MÉDIOS Sem novidades neste segmento, apesar de o volume de vendas cair gradativamente, perdendo espaço principalmente para os SUVs. O Toyota Corolla mantém a liderança absoluta e em janeiro emplacou 2.142 unidades. O segundo lugar é do Honda Civic (1.133), que deixou de ser produzido no Brasil, seguido por Chevrolet Cruze (458) e Chery Arrizo6 (270).

SUVs COMPACTOS Com volumes parecidos com os dos hatches, o segmento de SUVs compactos tem uma variedade de modelos cada vez maior, mas o Jeep Renegade não abandona a liderança. Em janeiro foram emplacadas 4.999 unidades do modelo, mas o Hyundai Creta tem se aproximado e fechou o mês com 4.175 unidades. A lista segue com o VW T-Cross (3.761), Fiat Pulse (3.192), Chevrolet Tracker (2.376), Citroën Cactus (2.283), Honda HR-V (1.792), Nissan Kicks (1.682) e Peugeot 2008 (1.631).


Entre os SUVs médios a liderança em janeiro, mais uma vez, ficou com o Jeep Compass(foto: Jorge Lopes/EM/D.A Press)


SUVs MÉDIOS Entre os SUVs médios, o destaque do mês não mudou. O Jeep Compass foi o modelo mais emplacado em janeiro, com 4.905 unidades. Em seguida, aparecem o Toyota Corolla Cross, com 2.478 unidades emplacadas, o Volkswagen Taos (946) e o Chery Tiggo 5X (598).


A picape Fiat Strada teve 6.716 unidades emplacadas em janeiro, contra 1.180 da VW Saveiro(foto: Jorge Lopes/EM/D.A Press)


PICAPES COMPACTAS Este é o segmento da campeã de vendas do Brasil. A picape Fiat Strada manteve a posição de veículo mais vendido do país e a liderança isolada em seu segmento. Em janeiro, foram emplacadas 6.716 unidades do modelo, contra 1.180 da velha VW Saveiro, e apenas duas unidades da Chevrolet Montana, que aguarda a substituta. Entre as picapes intermediárias, a Fiat Toro teve 3.293 unidades emplacadas, contra 1.447 da Renault Oroch.


A picape intermediária Fiat Toro é um sucesso de vendas, mas em breve ganhará a Ford Maverick como concorrente(foto: Jorge Lopes/EM/D.A Press)

PICAPES MÉDIAS No ranking das picapes médias, a Toyota Hilux foi líder em janeiro, com 2.912 unidades emplacadas. Depois, aparecem na lista a Ford Ranger (1.221), VW Amarok (954), Nissan Frontier (950), Mitsubishi L200 (826) e por último a Chevrolet S10, com 739 unidades emplacadas.