Ingresso do Salão do Automóvel em Interlagos chega a R$ 7 mil o custo


[Fonte: Auto Esporte]

Evento será realizado em agosto, contará com seis pistas e terá foco em atividades interativas aos visitantes, como a possibilidade de participarem de test-drives


Depois de quatro anos, o Salão do Automóvel de São Paulo vai voltar e, desta vez, de casa nova. O evento irá acontecer no Autódromo de Interlagos entre os dias 6 e 14 de agosto e possibilitará os visitantes de realizarem test-drives na pista e experimentarem as novas tecnologias da área.


O preço, no entanto, pode ser igualmente caro ao ingresso para assistir a Fórmula 1: eles custarão de R$ 40 a até R$ 7 mil. O valor varia conforme o número de atrações que o bilhete inclui. Em comparação, o ingresso para o Grande Prêmio de São Paulo de F1 no ano passado custava entre R$ 710 e R$ 13.600.


O agora chamado São Paulo Motor Experience será realizado pela empresa RX Reed Exhibitions e terá como objetivo oferecer experiências interativas aos visitantes, assim como ocorreu no último Salão de Munique, onde o público pode transitar entre as áreas do evento com carros, bicicletas e patinetes elétricos.


Ao longo dos oito dias, os organizadores planejam atingir a meta de 60 mil test-drives, podendo chegar aos 100 mil, contando com outras atividades interativas, como test-drives em patinetes e bicicletas elétricas.


Isso porque, além da tradicional pista de Interlagos, o evento terá outros cinco espaços para as atividades: Pista Off-Road, Pista SUV, Pista UTV, Arena Drifting e Arrancada e Pista New Tech.


Para a família, o Autódromo contará com palcos para shows, bem como uma arena de E-Sport e até uma roda gigante. Caso a pessoa prefira por um passeio incomum, será possível também programar um voo de balão.


Autódromo terá uma área coberta voltada para a comercialização de veículos e outros produtos — Foto:


Getty Images

Outra novidade do Salão deste ano será a possibilidade do visitante fechar negócio. O São Paulo Motor Experience terá uma arena coberta para que os expositores possam vender seus carros e outros produtos.


Em dias úteis, os portões devem abrir às 10h e fechar às 20h. Aos finais de semana, o Salão ocorrerá das 9h às 20h. De acordo com Lucas Pimentel, gerente de produto da RX e responsável direto pelo São Paulo Motor Experience, “iremos promover desfiles noturnos no circuito, aproveitando o acervo de carros clássicos e outras atrações especiais”.

Expositores

Estima-se que 40 expositores participem do evento. Até o momento, seis montadoras já confirmaram presença. Algumas já foram reveladas, como é o caso da chinesa BYD e da BMW.


A realização de um Salão do Automóvel em Interlagos atende a três exigências recentes das fabricantes. A primeira delas é um custo muito mais baixo do que nos tradicionais pavilhões. A segunda é poder colocar o público para dirigir as novidades. Por fim, a terceira – e talvez mais relevante – é a possibilidade de vender os carros no local.