Petrobras afirma não conseguir atender demanda de combustíveis


[Fonte: Motor Show]

A Petrobras afirmou que não vai conseguir atender a demanda de combustíveis para o mês de novembro.

A estatal disse que “recebeu pedidos muito acima dos meses anteriores e de sua capacidade de produção”, em nota divulgada.

E completou: “apenas com muita antecedência, a Petrobras conseguiria se programar para atender essa demanda atípica”.

Segundo a companhia, na comparação com novembro de 2019, a demanda dos distribuidores por diesel aumentou 20% e a por gasolina 10%, representando mais de 100% do mercado brasileiro.

Mesmo assim, “a Petrobras segue atendendo os contratos com as distribuidoras, de acordo com os termos, prazos vigentes e sua capacidade. Além disso, a companhia está maximizando sua produção e entregas, operando com elevada utilização de suas refinarias”, ressalta.

A companhia está operando com 90% de utilização de seu parque de refino.

A Petrobras esclarece ainda que, nos últimos anos, o mercado brasileiro de diesel foi abastecido tanto por sua produção, quanto por importações realizadas por distribuidoras, terceiros e pela companhia, que garantiram o atendimento integral da demanda doméstica.