top of page

Produção de veículos segue estagnada e montadoras perseguem projeção


Volume que saiu das linhas até agosto é similar ao registrado no ano passado. Meta do setor é produzir 2,4 milhões de unidades


As montadoras estão a cerca de 900 mil unidades da meta de produção de veículos para o ano, 2,4 milhões de unidades, segundo projeções da Anfavea. De acordo com o presidente da entidade, Marcio de Lima Leite, a projeção segue inalterada ainda que o volume de produção no janeiro-agosto, 1,5 milhão de unidades, tenha apresentado queda de 0,4% ante o mesmo período em 2022.


“O crédito melhorou um pouco, e isso se refletiu de alguma maneira nas vendas de veículos no país, o que ajuda a dar sustentação à produção nacional”, disse Leite na terça-feira, 5, durante apresentação dos resultados do setor aferidos em agosto. “Nossas projeções estão em linha com o que está sendo apresentado pelo mercado.”


Do total produzido pelas montadoras nos oito meses do ano, 1,1 milhão de unidades corresponderam aos modelos de automóveis. O resultado indica estagnação ante o volume de automóveis produzidos no ano passado, representando tímida alta de 0,2%. A produção de comerciais leves chegou a 276,6 mil unidades, alta de 14,7%.


Já a produção de caminhões segue afetada pela transição Euro 5-Euro 6. No acumulado do ano, mostrou o balanço da Anfavea, saíram das linhas 63,5 mil unidades, resultado 37,5% inferior ao observado no janeiro-outubro de 2022. A produção de chassis de ônibus, por sua vez, caiu 42,5%, somando 13,5 mil unidades.


Apenas em agosto a produção de veículos chegou a 227 mil unidades, 4,6% a menos na comparação com a produção de agosto do ano passado. Na comparação com a produção de julho, a queda foi de 0,4%.

Comments


montadora
bottom of page