top of page

Produção fecha setembro com a melhor média diária do ano

Também os emplacamentos se destacaram como o segundo mais alto, abaixo apenas do de julho, impulsionado pelo programa de descontos



Fonte: Auto Indústria


Embora com três dias a menos de atividades em agosto na indústria de veículos e forte retração nas exportações, setembro apresentou a melhor média diária de produção do ano, ao computar 10,4 mil unidades.


De acordo com o balanço da Anfavea, apresentado na sexta-feira, 6, a produção em setembro totalizou 208,8 mil unidades, uma queda de 8% em relação a agosto (226,9 mil), mas uma leve alta de 0,5% sobre o mesmo período do ano passado (207,7 mil).


Com o volume parcial mensal, a produção somou 1,75 milhão de veículos de janeiro a setembro, resultado estável, com um pequeno recuo de 0,3% na comparação com o anotado um ano atrás.


A média diária de emplacamentos no mês passado também o foi destacada pela Anfavea, ao apresentar o segundo melhor ritmo do ano com 9,9 mil unidades. O número só é menor do de julho, período no qual o mercado estava sob o estímulo do programa de desconto do governo e chegou às 10,7 mil unidades/dia.


“Não há motivos para comemorações, mesmo porque não houve crescimento em setembro. Mas ritmo de vendas apresentado nos últimos meses afasta o temor de que ocorreria uma forte retração com o fim do programa descontos”, avaliou Márcio de Lima Leite, presidente da Anfavea, durante apresentação do balanço mensal do setor automotivo.


No mês passado, o mercado absorveu 197,7 mil automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus, volume 4,8% inferior ao apurado em agosto (207,7 mil), mas em crescimento de 1,9% em relação a setembro de 2022 (193,9 mil). As vendas totais do ano, de 1,62 milhões, se mantiveram em alta de 8,5%.

Comments


montadora
bottom of page